Estrada curta

A felicidade, meus amigos, é uma estrada curta. Que não dura. Não é reta. É discreta. Escura. Estreita.Ladeada da amargura, acidentada, arrastada. Não se pode escorregar. Não se deve nem piscar, pois num único momento você pode tropeçar. E aí, meu amigo, sabe-se lá onde vai parar.

Eu. Vim parar aqui.

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em cara estranho

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s